Vitória! Agora a Máfia da Merenda será investigada na ALESP, a casa do povo, e nós continuaremos de olho!

Com 21.279 assinaturas em nossa petição, muita pressão feita diretamente em cada deputado via redes sociais, ocupações históricas dos secundaristas e atos de rua em apoio aos estudantes, mais uma vez, aprendemos que juntos somos mais fortes.

Continue apoiando a luta dos estudantes por uma educação pública de qualidade: 



Essa é uma mobilização criada pela Rede Minha Sampa. Conheça!


Durante duas semanas, todos os dias, indicávamos um DEPUTADO DO DIA para que os membros da Minha Sampa o pressionassem via Facebook, Twitter, e-mail e telefone a assinarem pela CPI.

As pessoas escreviam com as suas próprias palavras depoimentos para convencê-los. Quatro dos deputados listados pela Minha Sampa cederam a pressão e assinaram pela CPI durante a mobilização. Veja um exemplo de como levávamos os usuários até os canais de comunicação de cada deputado.



Celso Nascimento (PSC)
É do Partido Social Cristão, que defende a família e o combate a corrupção. Não assinar pela a criação da CPI é uma grande contradição em relação aos princípios defendidos pela Igreja Cristã e seu partido.




A equipe da Minha Sampa selecionou os deputados que estavam mais propensos a se posicionarem a favor da CPI. A maioria, por atuarem de forma independente do governo. Depois, convidamos as pessoas - ingrediente principal - para beliscarem à vontade. Confira o nosso cardápio completo:


Paulo Correa Junior (PEN)
Eleito pela baixada Santista e região, existe denúncia de corrupção na compra de merenda pela prefeitura de Santos. Grande oportunidade para deputado mostrar para seus eleitores que é contra a corrupção.







Delegado Olim (PP)
Foi até Brasília para apoiar o impeachment em nome do combate à corrupção. Pedimos que seja coerente e assine o pedido de abertura da CPI da Merenda contra a corrupção também em seu estado.







Igor Soares (PTN)
Filho de uma professora da rede estadual de ensino. O próprio deputado é formado numa escola pública do estado. Esperamos que seja coerente e tenha sensibilidade para apoiar a causa.








Feliciano Filho (s/ Partido)
Tem mais de 200 mil curtidas no Facebook e por isso está suscetível a pressão da opinião pública. É um grande defensor do direito dos animais e pode se sensibilizar com a causa dos estudantes.





André do Prado (PR)
É líder do PR e se for convencido pode ajudar a convencer outros 2 deputados. Em nome do combate à corrupção defende o impeachment. Pedimos que seja coerente e atenda nosso pedido.







Gileno Gomes (PSL)
Candidato à prefeitura de Guarulhos. Tem usado seu perfil no Facebook para fazer campanha. Com muita gente de olho nele, vamos pedir que se comprometa com o combate à corrupção na merenda de SP.







Roberto Tripoli (PV)
Grande defensor do direito dos animais, foi um dos deputados mais votados. Agora é a hora de defender as crianças e jovens da educação! Líder do PV, pode ajudar a convencer os seus colegas de bancada.








Afonso Lobato (PV)
Também é padre há 26 anos em Taubaté. Acreditamos que foi seu amor cristão que fez ele assinar pela abertura da CPI. Agradeça e peça o compromisso de que ele não volte atrás. 







Reinaldo Alguz (PV)
É pregador e conferencista da Renovação Carismática Católica. Conhecendo os dogmas cristãos, vamos lembrá-lo que é incoerente estar ao lado dos que roubam merenda de crianças e jovens.







Chico Sardelli (PV)
Eleito pela cidade de Americana e região, de onde inúmeras denúncias de corrupção na merenda apareceram. Seria uma oportunidade para se posicionar para seus eleitores contra a corrupção.








Celso Nascimento (PSC)
É do Partido Social Cristão, que defende a família e o combate a corrupção. Não assinar pela a criação da CPI é uma grande contradição em relação aos princípios defendidos pela Igreja Cristã e seu partido.








Marcos Neves (PV)
É do Partido Verde, que se posa como um partido da honesto, ético e em defesa do meio ambiente. Muita gente vota no PV por esse valores. Vamos usar disso para cobrar coerência e pedir pela abertura da CPI.



Na terça, 10/05/16, o SPTV registrou o momento em que entregamos aos deputados presentes na Comissão de Educação e Cultura na Assembleia Legislativa a merenda seca servida pelo estado a milhares de estudantes e as mais de 20 mil assinaturas da nossa petição pela ‪CPI da Merenda‬. Confira!


A Minha Sampa conseguiu o apoio de vários artistas para a causa dos estudantes, entre eles, Tico Santa Cruz, Bixiga 70 e Anelis Assumpção. No vídeo abaixo, o cantor Nando Reis fala da precarização do ensino público e pede pela CPI da Merenda. Assista!




Nos fim de abril e início de maio de 2016, estudantes ocuparam a Assembleia Legislativa do Estado de SP. O vídeo abaixo mostra esse momento histórico, que ao lado de ocupações no Centro Paula Souza, em duas diretorias de ensino, 3 escolas estaduais e mais 13 escolas técnicas, foram fundamentais para a conquista da instalação da CPI na ALESP.




O escândalo no fornecimento de alimentos para merenda escolar tem como pivô a Cooperativa Orgânica Agrícola Familiar (Coaf), que contratava “lobistas” para atuarem junto ao governo de SP e às prefeituras, pagando propina a agentes públicos em troca de favorecimento em contratos




Escutas telefônicas mostraram que os contratos foram superfaturadosUm litro de suco de laranja, que custava para a Coaf R$ 3,70, era vendido para a merenda a R$ 6,80. O vice-presidente da Coaf, Carlos Alberto Santana da Silva, declarou que houve propina de R$ 1,94 milhão em um único contrato. 





Foram citados em delações premiadas de funcionários da Coaf o deputado Fernando Capez (PSDB); o ex-chefe de gabinete da Casa Civil do governador Geraldo Alckmin, Luiz Roberto dos Santos (PSDB); e os deputados federais Baleia Rossi (PMDB), Nelson Marquezelli (PTB) e Luiz Carlos Gondim (SD).  








As investigações do Ministério Público e da Polícia Civil já haviam começado, mas somente uma CPI da Máfia da Merenda na Assembléia Legislativa poderia levantar novas provas, argumentos e garantir que todos os envolvidos fossem punidos.





Graças a luta de milhares de pessoas vai ter CPI da Merenda! Agora a Máfia da Merenda será investigada na ALESP, a casa do povo, e nós continuaremos de olho até que todos os corruptos sejam punidos.

Entenda porque ela é importante para o caso da Merenda.

Uma mãozinha às investigações
Uma Comissão Parlamentar de Inquérito pode auxiliar e aprofundar a investigação do Ministério Público e da Polícia Civil levantando novas provas e argumentos que levariam a um julgamento político. É um trabalho complementar, e não excludente!

Super poderes, ativar!
Uma CPI tem poder de investigação semelhante ao de autoridades judiciais. Pode ouvir testemunhas, obrigar secretários e outras autoridades a prestar depoimento, exigir quebras de sigilo fiscal e telefônico, entre outras atribuições.

Me representa!
Um inquérito na Assembléia Legislativa, também conhecida como ‘Casa do Povo’, garante que a vontade de todos os cidadãos esteja representada na investigação por meio dos parlamentares de diversos partidos.

Saiba mais sobre como funciona uma CPI e quais foram as mais importantes.

A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo possui 94 deputados ao todo.

Eram necessárias 32 assinaturas de deputados para que a CPI fosse aberta. No início da nossa mobilização tínhamos 24. 
Conheça os deputados que desde o início se posicionaram a favor da CPI:
Afonso Lobato (PV)
Alencar Santana Braga
(PT)

Ana do Carmo (PT)
Angelo Perugini (PT)
Átila Jacomussi (PcdoB)
Beth Sahão (PT)
Carlos Giannazi (PSOL)
Carlos Neder (PT)
Ed Thomas (PSB)  
Enio Tatto (PT)
Fernando Cury (PPS)
Geraldo Cruz (PT)
João Paulo Rillo (PT)
José Zico Prado (PT)
Lecy Brandão
(PcdoB)

Luiz Carlos Gondim (SD)
Luiz Fernando (PT)
Luiz Turco (PT)
Márcia Lia (PT)
Marcos Martins (PT)
Marcos Neves (PV)
Professor Auriel
(PT)

Rafael Silva (PDT)
Raul Marcelo (PSOL)
Teonílio Barba (PT)

Ao lado estão os deputados que, em sua maioria, fazem parte da base de apoio ao Governo e não queriam a CPI no início.

No fim das contas, com a nossa pressão, a CPI instalada recebeu as assinaturas de alguns deles e será mais abrangente, pois além do Governo do Estado, as cidades também serão alvo da investigação.

Igor Soares (PTN)
Itamar Borges (PMDB)
Jooji Hato (PMDB)
Jorge Caruso (PMDB)
Jorge Wilson (PRB)
Léo Oliveira (PMDB)
Luiz F. Machado (PSDB)
Márcio Camargo (PSC)
Marcos Damasio (PR)
Marcos Zerbini (PSDB)
Maria Lúcia Amary (PSDB)
Marta Costa (PSD)
Mauro Bragato (PSDB)
Milton Leite Filho (DEM)
Milton Vieira (PRB)
Orlando Bolçone (PSB)
Orlando Morando (PSDB)
Paulo Correa Jr (PEN)
Pedro Tobias (PSDB)
Ramalho Construção (PSDB)
Reinaldo Alguz (PV)
Ricardo Madalena (PR)
Rita Passos (PSD)
Roberto Engler (PSDB)
Roberto Massafera (PSDB)
Roberto Morais (PPS)
Roberto Tripoli (PV)
Rodrigo Moraes (DEM)
Rogério Nogueira (DEM)
Roque Barbiere (PTB)
Sebastião Santos (PRB)
Vanessa Damo (PMDB)
Vaz de Lima (PSDB)
Wellington Moura (PRB)
Welson Gasparini (PSDB)


Fizemos uma linha do tempo com as matérias que trataram do escândalo da Máfia da Merenda, com os avanços da investigação e as primeiras prisões e delações. Veja como a mídia está acompanhando essa história.





POR QUE A MINHA SAMPA

ENTROU NESSA MOBILIZAÇÃO?

Na cidade dos nossos sonhos, a gente não precisaria se mobilizar para ver um escândalo de corrupção na merenda escolar ser investigado. Mas temos visto pouco engajamento e muita enrolação por parte dos nossos deputados estaduais para a instalação da CPI. Precisamos mostrar que não vamos tolerar que mais um crime contra a educação acabe em pizza. Mexeu com dinheiro público, mexeu com a gente! Mexeu com estudantes então, nem se fale. Já estivemos com eles quando fizemos o De Guarda Pelas Escolas e a Virada Ocupação. Logo depois criamos a rede Todos Com Os Estudantes, que já conta com mais de 4 mil pessoas engajadas em melhorar a qualidade da educação no estado. Agora, novamente, temos a oportunidade de estar do lado deles contra um grupo de políticos, empresários e lobistas habituados a mamar como bem entendem no orçamento da educação. Exigimos a investigação da Máfia da Merenda já. Você está com a gente?











                  
Minha SampaCriado por Minha Sampa usando o BONDE